Genial!

SÃO PAULO (magnífico!) – Quem abrir a página do Google hoje vai encontrar esse filmete aí, com música de vaudeville, tema recorrente de piano no cinema mudo e um estilo muito peculiar e bonito de gênero musical.

Mas o filmete é uma linda homenagem ao gênio Charlie Chaplin, que imortalizou seu personagem Carlitos. Seria o centésimo vigésimo segundo aniversário deste mestre da arte.

Já vi quase todos os filmes dele. E adoro. É um gênio mesmo, no sentido maiúsculo da palavra. Esses filmes são atemporais. Chaplin é o cineasta mais homenageado da história da sétima-arte. É só um pecado que Hitler tenha usado seu bigode de brocha e deixasse como uma marca registrada negativa, anos depois, algo que era um símbolo de humor e paz.

É algo que faz falta hoje em dia, esse humor simples. Coisa que o Roberto Gomes Bolaños, o Chaves, faz com descarada inspiração no mestre e há mais de 30 anos (de reprises) ainda faz rir.

Achei uma maravilha este scketch em preto-e-branco! Enjoy.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em filmes, Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s